Uncategorized

Instituto Jiu-Jitsu Tribe: Transformando Destinos e Comunidades

O Instituto Jiu-Jitsu Tribe, popularmente conhecido como “projeto social do Léo”, iniciou sua jornada em 2014. Impulsionado pelo desejo de criar um ambiente seguro e enriquecedor para sua futura filha, Léo Gonzaga materializou um sonho: um espaço onde a amizade, a disciplina e o propósito através do jiu-jitsu pudessem florescer.

Estrutura e Dinâmica

Atualmente, o Instituto se expandiu para dois centros de treinamento (CT): um localizado em Nova Hartz e outro em Araricá. Além disso, a “casa do Instituto” serve como um refúgio para crianças no contraturno escolar. Em Nova Hartz, no bairro Campo Vicente, o projeto possui um núcleo ativo. A missão do Instituto Jiu-Jitsu Tribe é clara: abrir portas para crianças em situação de vulnerabilidade social, oferecendo-lhes uma chance de acreditar em um amanhã melhor. Aproximadamente 200 crianças, de 3 a 17 anos, encontram nesse projeto um porto seguro.

A seleção das crianças é feita cuidadosamente, com base em um cadastro e análise da renda familiar, garantindo que a ajuda chegue a quem mais precisa. Contudo, todas as crianças são bem-vindas para participar dessa jornada transformadora.

Atividades e Treinamento

As aulas de jiu-jitsu são um ritual diário, organizadas por faixa etária para atender a cada criança de maneira adequada. Léo Gonzaga, mestre faixa preta, lidera essa iniciativa ao lado de Tim Maia, também faixa preta, e Melki, faixa marrom. Mas o Instituto vai além das artes marciais: oferece viagens para competições, oficinas de finanças básicas, confeitaria, libras, acompanhamento psicológico e aulas de reforço escolar.

Impacto e Resultados

O impacto na vida das crianças é profundo e transformador. Muitas superam traumas psicológicos, apresentando melhorias notáveis em todos os aspectos de suas vidas. A disciplina do jiu-jitsu serve como um farol que ilumina seu caminho, recebendo elogios de empregadores e professores. A presença nas ruas diminui e as histórias de sucesso se multiplicam, com jovens se destacando tanto no esporte quanto na vida acadêmica e profissional.

O Instituto se tornou um pilar na comunidade, diminuindo a exposição das crianças a perigos e oferecendo um caminho alternativo e promissor.

Sustentabilidade e Desafios

Manter o projeto é um desafio constante. O principal apoio vem da Jiu-Jitsu Tribe do Sensei Gustavo Dantas, mas a criatividade local também desempenha um papel vital, com blitz solidárias e rifas. O comércio local é um parceiro essencial, sempre disposto a ajudar.

Os desafios financeiros são grandes, mas a confiança e o apoio da comunidade, conquistados ao longo de uma década, são fundamentais para a sobrevivência e crescimento do Instituto.

Futuro do Projeto

O futuro do Instituto Jiu-Jitsu Tribe é repleto de sonhos e possibilidades. Há um desejo ardente de construir um prédio próprio, um espaço que já tem terreno, mas cujo custo é elevado. A expansão já começou, com um novo núcleo em Araricá.

Com mais recursos, o Instituto poderia proporcionar mais competições, kimonos novos e mais viagens. A Metalvest tem um papel crucial aqui. A Copa Jiu-Jitsu Tribe, principal competição do projeto, utiliza medalhas fabricadas pela Metalvest, conhecidas como “as mais belas medalhas do estado”. Este detalhe se tornou uma motivação poderosa para muitos atletas, especialmente aqueles de projetos sociais.

O Instituto Jiu-Jitsu Tribe não apenas transforma destinos individuais, mas fortalece toda a comunidade, promovendo um futuro brilhante e cheio de esperança para todos.